quinta-feira, 12 de novembro de 2009

VISÃO HOLÍSTICA DO CORPO HUMANO


A medicina holística assenta a sua observação do ser humano como um todo. O holismo é a ciência que estuda o todo, o total, o inteiro. A visão holística do corpo humano mostra-nos que este não pode ser dividido por sectores diferenciados, o corpo humano é um todo. A parte física do corpo humano não trabalha separada dos restantes corpos, cada um revestido por sete camadas energéticas. Quando algum destes corpos fica debilitado ou é atingido, compromete a integridade funcional dos restantes, dando lugar à doença, mais tarde manifestada em forma de sintomas no corpo físico.

O ser humano, adaptado para viver na 3ª dimensão em que se encontra ainda, é constituído por um sistema de energia, por sua vez composto por vários corpos menos densos do que o corpo físico. Assim, podemos afirmar que o corpo humano é constituído por vários corpos, um físico e vários subtis. Sabe-se que existem 32 corpos subtis, sendo sete deles mais conhecidos, estão mais perto da 3ª dimensão e permitem trabalhar o ser na sua multidimensionalidade. Estes corpos estão distribuídos por três planos: o plano físico, o plano astral e o plano espiritual, formando-se assim o campo electromagnético do ser humano, a sua aura.

O PLANO FÍSICO é constituído energeticamente pelo corpo etérico, pelo corpo emocional e pelo corpo mental.

O corpo etérico mede cerca de 0,5 a 5 cm, interpenetra o corpo físico e é na realidade parte dele. Chamado ectoplasma, vitaliza e sustenta o corpo físico até à sua morte. Contém a energia dos tecidos, das glândulas e dos órgãos, expande-se e retrai-se de acordo com o funcionamento destes. Estabelece o estado intermédio entre a energia e a matéria.

O corpo emocional mede cerca de 2,5 a 2,7 cm, interpenetra o corpo etérico, é o veículo das emoções. Dos desejos e das paixões; manifesta especialmente as irradiações brilhantes e mutáveis desse corpo, constituindo nuvens coloridas, em movimento contínuo e de aparência oval, quando se observa a aura. Rege as principais emoções básicas do ser.

O corpo mental mede cerca de 7,5 a 20 cm, é o veículo do pensamento, tem uma estrutura mais subtil e menos definida. Contém os nossos processos mentais, as nossas ideias. Quando equilibrado observa-se translúcido com bolhas douradas. Rege os pensamentos, o intelecto e a inteligência racional e objectiva.

O PLANO ASTRAL é constituído energeticamente pelo corpo astral que mede cerca de 15 a 30 cm. É composto por nuvens multicores, provenientes de persepções e emanações extrasensoriais. Estabelece a qualidade e prioridade da comunicação nas relações, sendo a ponte entre os planos físico e espiritual.


O PLANO ESPIRITUAL é constituído energeticamente pelo corpo etérico, pelo corpo celestial e pelo corpo causal.

O corpo etérico mede cerca de 45 a 60 cm. É o campo de energia estruturado sobre o qual cresce o corpo físico.É o centro da comunicação e da expressão, funcionando como uma cópia de segurança do corpo físico e da forma como o indivíduo se expressa no físico.

O corpo celestial mede cerca de 70 a 90 cm. É o nível emocional do plano superior, através do qual se experimenta o êxtase espiritual.Composto por pontos de luz, é o plano de identificação com o Criador. É o ponto energético em que o indivíduo se conecta com o Universo, quando se identifica com Deus e vê amor em tudo o que existe.

O corpo causal mede cerca de 75 a 100 cm. Contém os registos de experiências passadas, associados às várias vivências e experiências da alma. È o nível mais forte e elástico da aura e a sua força desloca-se ao longo da coluna vertebral. Neste plano, o indivíduo pode elevar a sua consciência e identificar-se com o Criador.

O conjunto dos planos e dos corpos energéticos existe e funciona através de uma rede de canais energéticos que transporta a corrente energética através do sistema nervoso, percorrendo todos os nervos do corpo físico e os centros energéticos, conhecidos por chacras dos corpos subtis, que se encontram análogos aos plexos nervosos do corpo físico. Todos os corpos se encontram interligados, interagindo dentro e fora do corpo físico. Todos os corpos que constituem o indivíduo ao estarem interligados afectam-se entre si quando o corpo físico desenvolve um determinado sintoma mas por outro lado quando se trabalha um deles também se melhora o estado dos restantes corpos. Os corpos dependem uns dos outros para o melhor e para o pior.

O equilíbrio do indivíduo depende do equilíbio/desiquilíbrio energético dos chacras e por sua vez este pode passar por qualquer um dos diferentes corpos.

Carlos Manuel Silva/ Associado Nº APR-000275/PT

1 comentário:

Gisele Santos disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.